Liberdade de expressão de jogadora de vôlei Carolina Solberg deve ser protegida

21 de setembro de 2020 - Destaque



A ARTIGO 19 expressa publicamente seu apoio à jogadora de vôlei de praia Carolina Solberg em seu direito à livre opinião e expressão. A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) alinhou-se ao feio papel de censura e racismo em seu comunicado no último domingo (20/09).

Após vencer a decisão do terceiro lugar na etapa de Saquarema do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, Carolina disse em protesto “Fora, Bolsonaro”, durante uma entrevista ao SporTV da Rede Globo. A CBV, entidade estatal patrocinada pelo Banco do Brasil, afirmou em nota que o ato “nada condiz com a atitude ética que os atletas devem sempre zelar” e que a manifestação de cunho político “denigre (sic) a imagem do esporte”.

A ARTIGO 19  repudia o posicionamento da CBV e entende que este tipo de posição representa intimidação institucional que constrange atletas, confunde a opinião pública e pode conduzir ao silenciamento e à autocensura por receio de futuras represálias.

É importante destacar ainda que manifestações de atletas são parte saudável da visibilidade profissional, que expressam frequentemente visões e críticas em entrevistas à imprensa, se posicionam politicamente, professam religiões e mesmo discordam de autoridades públicas. A ARTIGO 19, que há mais de três décadas atua na defesa da liberdade de expressão e informação no mundo, não identifica nenhuma questão ética quando a crítica ou manifestação é feita nos marcos da democracia e sem ameaças, discurso de ódio ou violações a outros direitos, como foi a declaração da atleta.

Nesse sentido, ao manifestar solidariedade à Carolina Solberg, reforçamos a expectativa de que sua liberdade de expressão seja protegida pelo poder público e defendida pela sociedade civil e que a jogadora não sofra nenhum tipo de sanção pela livre expressão de seu pensamento — incluindo nenhuma ameaça ou medida que impacte no seu patrocínio pela empresa estatal, o que seria uma medida efetiva de censura não condizente com o mundo em que vivemos e com o ambiente de liberdade e cidadania que o esporte representa.

 


LINK: https://artigo19.org/?p=18899

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *