Bolsonaro proferiu 1682 declarações “falsas” ou “enganosas” sobre o coronavírus só em 2020

Fonte: Público Portugal

Um relatório da ONG Artigo 19, organização internacional que defende a liberdade de expressão e o direito à informação, revelou que o Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, proferiu 1.682 declarações “falsas” ou “enganosas” sobre o coronavírus só em 2020, contribuindo para o agravamento da crise de saúde pública provocada pela pandemia no país.

“Em alguns casos, a desinformação vem de indivíduos que ocupam cargos relevantes – incluindo chefes de governo, como Jair Bolsonaro – geralmente através das suas contas pessoais, não oficiais, nas redes sociais. Estas pessoas têm um grande impacto na divulgação dessa desinformação”, explica o relatório, que também aponta o ex-presidente dos EUA, Donald Trump, como “o maior divulgador de desinformação sobre a covid-19.”

Leia na íntegra: https://www.publico.pt/2021/07/29/mundo/noticia/bolsonaro-proferiu-1682-declaracoes-falsas-enganosas-coronavirus-so-2020-1972372

Postado em

Icone de voltar ao topo