ARTIGO 19 lança 3ª edição de sua Revista voltada para pensar a reconstrução democrática

O evento de lançamento da terceira edição da Revista Artigo 19 ocorreu ontem (19/07), na Livraria Tamarindo, localizada no centro de São Paulo.

A nova publicação, cujo tema é Defendendo a liberdade de expressão: Reconstrução, aponta temáticas importantes para o Brasil em 2023. Em discussão, temos as ameaças e os ataques direcionados à democracia durante os últimos anos, os desafios da transparência, as redes sociais, os pontos de tensão e a existência de novos horizontes para nossa democracia.

Para debater tais assuntos com o público, contamos a presença de Juliana Dal Piva, jornalista, pesquisadora e colunista do UOL. A mesa teve a mediação de Romulo Osthues, assessor da área de Comunicação da ARTIGO 19.

Durante a conversa, Dal Piva relembrou que o Brasil é um dos países que mais mata jornalistas no mundo e comentou sobre a dificuldade de exercer a profissão, principalmente em cidades de fronteira e no interior. Ela apontou que a perseguição contra os colegas e outros profissionais da área se acentuou em 2013, durante as Jornadas de Junho. Na época, uma série de protestos aconteceu pelo País, com registros de violência e agressões de policiais direcionadas a profissionais de imprensa, comunicadoras, comunicadores e ativistas.

A jornalista relatou também o medo e a preocupação em relação a possíveis ataques, buscando formas de proteção, que, inclusive, são estendidas a familiares. Dal Piva comentou que isso ocorre com outros colegas, citando como exemplos os nomes das jornalistas Vera Magalhães, Patrícia Campos Mello e Constança Rezende.

Em tal momento, ela relembrou um caso em que foi condenada judicialmente em primeira instância por ter tornado pública a denúncia de ameaça sofrida. “Esse processo de ter que formalizar as denúncias, ele é bastante doloroso também, porque você revive toda essa coisa [o ocorrido] e você convive com a dúvida. É muito difícil as autoridades tratarem isso com a seriedade que significa”, Dal Piva diz.

Na mesma época, ela estava finalizando o livro O negócio do Jair: A história proibida do clã Bolsonaro, que reconstrói a história pública e pessoal do ex-presidente da República.

Por fim, Dal Piva reforçou a necessidade de debate sobre a reconstrução democrática do Brasil, apontando para uma responsabilidade coletiva, tanto do judiciário quanto da sociedade civil, em criar um diálogo e pensar em questões referentes à tecnologia, às redes sociais, à liberdade de expressão e às informações prestadas por jornalistas.

Confira a nova edição da Revista Artigo 19, que traz depoimentos de Juliana Dal Piva e dos seguintes convidados sobre o cenário atual e as perspectivas de futuro para nossa democracia: Elisa Lucinda, atriz, cantora, escritora e poetisa; Pedro José Vaca Villarreal, advogado e relator especial para a Liberdade de Expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos; e Ronilso Pacheco, teólogo, pastor e professor na Universidade de Oklahoma (EUA).

As versões digitais (ebooks) do número 3 da Revista Artigo 19Defendendo a liberdade de expressão: Reconstrução estão disponíveis abaixo. Clique para baixar.

PORTUGUÊS

ESPAÑOL

ENGLISH

Boa leitura!

 

Postado em

Icone de voltar ao topo