Nota de repúdio à repressão policial contra manifestantes em Brasília

Ao menos 35 mil manifestantes que protestavam na Esplanada dos Ministérios contra as reformas votadas no Congresso Nacional foram vítimas de intensa repressão policial em Brasília nesta quarta-feira (24).

Imagens que circulam na internet e transmitidas na televisão mostram um uso desproporcional e abusivo de armamento menos letal pelas forças de segurança presentes ao local. Vários relatos dão conta de que há dezenas de pessoas gravemente feridas.

Além disso, o Governo Federal ordenou que a operação da Garantia da Lei e da Ordem fosse deflagrada, autorizando tropas das Forças Armadas para a área onde estão os manifestantes com o objetivo de conter o protesto, em medida excepcional e bastante temerária. A medida acabou revogada na manhã desta quinta-feira (25) após ampla repercussão negativa entre a classe política e sociedade civil.

A ARTIGO 19 repudia a repressão praticada pela Polícia Militar do Distrito Federal contra os manifestantes em Brasília e também a decisão do Governo Federal de destacar militares para lidar com a situação, em ações que violam de forma flagrante o direito de protesto e o direito à liberdade de expressão.

 

Foto: Mídia Ninja

Postado em

Icone de voltar ao topo