Exclusivo: O que revela (e o que esconde) a auditoria oficial dos ônibus no Rio

4 de agosto de 2017 - ARTIGO 19 na Mídia



Fonte: Agência Pública

Em meio ao fatídico mês de junho de 2013, o ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes (PMDB) fez uma série de promessas para melhorar o serviço de ônibus da cidade. Paes anunciou a redução da tarifa, e o Pacto pela Transparência nos Transportes, que incluía a criação do Conselho Municipal de Transportes, da Comissão Especial de Assessoramento, do site Transparência da Mobilidade e a obrigatoriedade de contratação pelos consórcios de uma auditoria externa independente. E prometeu mais. Em junho de 2014, contratou a renomada firma de auditoria internacional Price WaterhouseCoopers (PwC) para fiscalizar os contratos com as concessionárias e fazer uma revisão tarifária e estratégica de todo sistema de ônibus. O contrato, firmado com a Secretaria de Transportes do Rio, custaria R$ 11.768.000,00 aos cofres públicos, com previsão de término para o dia 12 de junho de 2016. Foi um começo pomposo para uma novela que teve um final cômico, se não fosse trágico.

Leia na íntegra: http://apublica.org/2017/08/exclusivo-o-que-revela-e-o-que-esconde-a-auditoria-oficial-dos-onibus-no-rio/


LINK: http://artigo19.org/?p=12191

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *